Como Receber Auxílio Desemprego do Governo

O primeiro passo para receber seguro desemprego é dando entrada no auxílio em alguma agência da Caixa Econômica Federal (solução mais rápida), ou então seguindo as informações inseridas logo no início do artigo (sobre os postos credenciados). Porém antes de dar entrada, o cidadão deverá estar enquadrado nas seguintes condições para poder receber o auxílio:

  • Ter sido demitido sem justa causa;
  • Estar desempregado quando for dar entrada no auxílio;
  • Não possuir renda própria de nenhuma natureza para sustentar a si próprio assim como sua família;
  • Não receber nenhum tipo de benefício previdenciário de prestação continuada, exceto nos casos de pensão por morte e auxílio-acidente.

Depois de ter certeza que você se enquadra em todas essas condições, faça o agendamento do 7º ao 120º dia contando com a data da demissão, para não perder o seu benefício. Na própria agência da Caixa é possível fazer o agendamento seguro desemprego e saber, assim, qual será a data para o pagamento da primeira parcela do auxílio. Caso você possua uma conta Poupança ou Caixa Fácil, a parcela de seu benefício será depositada automaticamente.

Posteriormente é preciso ir em qualquer unidade lotérica, autoatendimento caixa, agências caixas com seu cartão cidadão e a senha devidamente cadastrar para retirar o seu benefício.

Parcelas do Seguro Desemprego

O valor das parcelas seguro desemprego é calculado em cima da média do salário que você recebia nos três meses anteriores ao seu desligado da empresa. Para os trabalhadores resgatados do trabalho escravo, trabalhadores domésticos e pescadores, o valor do benefício é de um salário mínimo federal.

Confira a seguir algumas condições impostas para quem recebe o seguro, lembrando que o benefício é intransferível e somente o beneficiário poderá recebê-lo, exceto nas condições a seguir:

  • Óbito do segurado, onde então as parcelas serão pagas aos familiares até a data prevista;
  • Em caso de doença grave, onde o seu “curador” poderá receber o benefício em seu lugar;
  • Ausência civil;
  • Quando o benefício está preso e, assim, impedido de sacar o seu benefício pessoalmente.

O programa do seguro desemprego Caixa feito pelo governo federal e é garantido pelo artigo 7° dos Direitos Sociais da Constituição. O benefício é um auxílio financeiro que o trabalhador recebe para que ele consiga sustentar a família mesmo estando desempregado.

Por mais que o benefício seja temporário, ele ajuda bastante o trabalhador até ele arrumar o próximo emprego, mas vale ressaltar que o programa é valido durante o período de 6 meses.

Consulta Seguro Desemprego

Para consultar o quanto você tem pra receber e o número de parcelas restantes para receber de seu auxílio, você fazer a consulta seguro desemprego através do site oferecido pela Caixa Econômica Federal. Confira:

  • Acesse caixa.gov.br;
  • Preencha com seu NIS (PIS/PASEP);
  • Digite sua senha;
  • Clique em “OK”.

Depois de realizar o seu login, o cidadão poderá acessar uma série de informações referentes a seu seguro desemprego, como valor disponível em sua conta Caixa e qual é o valor que fora depositado.

Agendamento Seguro Desemprego

Para realizar o agendamento seguro desemprego atualmente, ficou ainda mais fácil através da Internet. É só acessar a página do agendamento localizada no endereço eletrônico do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), através do link a seguir:

E inserir as seguintes informações, como:

  • Estado;
  • Município;
  • Tipo de Atendimento (clique em Triagem Seguro-Desemprego);
  • Depois insira as informações de segurança;
  • Feito isso, clique em prosseguir.

Caso o seu município seja atendido pelo serviço, será possível realizar o seu agendamento online. No entanto, caso sua cidade não seja atendida, então o cidadão deverá ligar para a central do Alô Trabalho pelo telefone 158 e pedir mais informações sobre o agendamento do seu seguro.

Outra medida é ir em alguma agência da Caixa Econômica Federal e pedir informações pessoalmente a alguma atendente. Caso você possua alguma dúvida, questão ou então um comentário a respeito do nosso artigo sobre seguro desemprego Caixa, faça um comentário e compartilhe sua experiência conosco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *